Projetandoo

Vendas Digitais Omnichannel

Cliente, Patrocinador e Consumidor Final

Cliente:

 

É a denominação dada pelo projeto ao lojista (proprietário do ponto de venda) de uma determinada região. Esse cliente terá como atribuições disponibilizar seu estoque atualizado diariamente para que seja comercializado pelas ferramentas do projeto e no momento da venda, o mesmo deverá emitir o cupom fiscal, embalar o pedido e providenciar a entrega no local desejado pelo consumidor final (comprador) no menor tempo possível, não devendo nunca exceder 4 horas para todo o processo de entrega.

Patrocinador:

 

É a figura da indústria alimentícia, laboratórios farmacêuticos e afins, que dado ao pacote proposto de contrapartidas, vai contratar um patrocínio de um ano com um número mínimo de 30 regiões (pontos de vendas a sua escolha).

 

Consumidor Final:

 

Pesquisa[1] com internautas revelou que gasto mensal com pets é de R$ 189,00 em média. A cifra aumenta para R$ 224,00 entre consumidores das classes A/B. Para quem recebe até dois salários mínimos, esse valor pode representar até 10% da renda familiar[2].

Um terço (33%) dos donos de pets admite que na hora das compras opta por itens que vão além do básico, 21% nunca deixam de comprar algo para seus animais de estimação por falta de dinheiro. No total, 76% dos brasileiros com acesso à internet possuem animais de estimação, sendo que os mais comuns são os cachorros (79%), gatos (42%) e pássaros (17%).

Considerando os produtos e serviços utilizados com mais frequência, a lista é liderada pelas vacinas, idas ao veterinário e banhos em pet shop. Outros serviços realizados constantemente e que merecem destaque são os tratamentos estéticos, gastos com passeadores de cachorros, tratamentos dentários, tratamentos contra obesidade, acompanhamento comportamental, adestramento e idas a creches.

Indagados sobre produtos e serviços que gostariam de adquirir, mas não o fazem por falta de condições financeiras, a pesquisa revela que planos de saúde (33%), serviços de spa (23%), assinaturas mensais de caixas com brinquedos (20%) e idas frequentes ao veterinário (20%) são os mais citados.

A troca de experiências assume um papel fundamental entre os entrevistados: 41% dos donos de pets participam de eventos e comunidades ligadas ao universo pet, seja por meio de redes sociais (29%) ou encontros presenciais (10%). Além disso, 93% dos entrevistados assumem o hábito de procurar informações sobre os produtos e serviços que adquirem para seus pets, sendo que as referências mais comuns são com o veterinário de confiança (47%), sites especializados (37%), amigos ou familiares (4%) e redes sociais (12%).

Como hábito para comprar para seus pets, 54% preferem comprar em pequenas lojas de bairro especializadas em produtos para animais, 30% optam pelas grandes redes de pet shops e 16% vão aos supermercados.

Para definir o local de compra, são levados em consideração principalmente o preço (59%), qualidade dos produtos e serviços (31%) e a confiança no estabelecimento (10%). 

Apenas 8% associam seus pets a gastos financeiros e 46% dão preferência a lugares que permitem presença de pets. Seis em cada dez entrevistados sentem falta de espaços públicos que permitam a permanência de pets com os donos, como restaurantes, lojas, shopping centers etc.

Sobre o perfil dos internautas donos de animais de estimação, a pesquisa mostra um relativo equilíbrio: 50% são mulheres contra 50% de homens; 54% pertencem às classes C, D e E e 46% às classes A e B. A maioria tem entre 25 e 44 anos (58%) e moram em casas (77%). Os que moram em apartamentos somam (23%) da amostra e (82%) cuidam pessoalmente de seu pet.

O estudo foi feito em duas etapas. No primeiro levantamento foram ouvidos 796 consumidores com o objetivo de identificar o percentual de entrevistados que possuem animais de estimação. Em seguida, novo levantamento foi realizado com 610 casos para identificar as características das pessoas que têm animal de estimação. Resultando, uma margem de erro no geral de 3,5 p.p para o primeiro levantamento e 4,0 p.p para o segundo levantamento. Em ambos os casos se trabalhou com um intervalo de confiança a 95%.

 

[1] Por Imprensa Mercado & Consumo - 19 de setembro de 2017

 

[2] Os dados são de uma pesquisa inédita realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em todas as capitais com internautas que possuem ou são responsáveis financeiros por um animal de estimação.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ligue para (21) 96484-6809

  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon

Avenida Geremário Dantas, 800 /305 Jacarepaguá - Rio de Janeiro/RJ CEP: 22743-010 - Brasil

CNPJ: 15.102.782/0001-47

* entrega dos serviços em até 90 dias